sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Paco Bandeira

Algo me diz, que sim, ele é culpado. Não consigo identificar ali qualquer verdade nas palavras que direcciona. Posso estar enganada. Mas creio mesmo que é culpado dos maus tratos às suas mulheres. Mais uma prova, de que da porta para dentro, as pessoas revelam todas as suas verdadeiras facetas. Os amigos estão incrédulos. E revelam que nem acreditam naquilo. 

Quanto ao Carlos Cruz, já não tenho certezas. Nem tenho opinião formada. Mas se o tribunal o condenou, é incoerente e vergonhoso que ele esteja em liberdade e apareça em festas e até já tem programas de tv para fazer. Só porque está à espera do recurso. Não entendo estas leis.

E tantos serão os outros, que passam impunes aos nossos olhos, de quem, talvez, sejamos amigos e queiramos bem, a quem aplaudimos mas que no fundo, não são mais do que pessoas asquerosas. Medo.

1 comentário:

  1. eu sempre quis crer que o C.Cruz era inocente, tinha sempre aquela duvida.. Depois vi este video

    http://rtp.pt/noticias/?t=Colectivo-da-como-provados-crimes-contra-arguidos-do-processo-Casa-Pia.rtp&headline=20&visual=9&article=372454&tm=8

    e a expressão admitiu que a juiza usa quando a ele se refere, deixou-me boquiaberta..

    ResponderEliminar