domingo, 29 de janeiro de 2012

Noite de sábado

Foi horrível. Bebi mais do que a conta... Estava nervosa, ia voltar a vê-lo, depois de meses. Bebi, bebi, bebi. Fiz as figuras de bêbada. Que vergonha! Chorei. Chorei de raiva e de tristeza. Porque é absurdo constatar/sentir que ainda gosto de ti. Depois de tanto tempo, depois de tanta chapada na cara. E é assim. Se o arrependimento matasse... Eu estou mortinha, hoje.Arrependimento é dos piores sentimentos que podemos experimentar. 

Mas siga que eu tenho mais que fazer.

3 comentários:

  1. Essa fase é muito má, mas quando chegares à da completa indiferença, vai saber-te tão bem, vais sentir-te tão adulta, tão madura... vais ver como cresceste ;)

    **

    ResponderEliminar
  2. Senti o mesmo durante anos por causa de um amor que durou 5 anos, não percebia como é que ainda podia sentir alguma coisa por aquela pessoa depois de tantas chapadas. Mas felizmente, a vida reserva-nos algumas surpresas e espero que, como eu, encontres alguém que te faça feliz!
    Muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Vai passar, mas beber não é a melhor solução!

    Sê forte!:)

    ResponderEliminar