domingo, 15 de janeiro de 2012

No reino dos romances...

Amanhã iniciarei novas rotinas, dentro da mesma rotina de sempre - luta, batalha, perseverança. é engraçado que a palavra que surge sempre para caracterizar o meu signo (touro) seja a resistência. vou-me abaixo, vergo mas não quebro. ninguém me vê no meu pior (vocês sim, sorry). não é à toa que eu estou 'sozinha', sem namorado, há já algum tempo. enfrento as adversidades da minha vida assim, sozinha. não me permito confundir sentimentos. sei bem o que é carência e o que é amor. só quem já amou a sério na vida, sabe o que é isso - avassalador.

Portanto, deixo-me estar assim, sem aquela cena básica e tããão precisa chamada de namoro. E penso que estar sozinha não é para todos. Tenho amigas que nunca estiveram, que hoje em dia se encontram em verdadeiros turbilhões emocionais, sem saber se amam ou se o que sentem é estabilidade, apenas. há pessoas que mantém relacionamentos para não levar com mais esse dedo apontado. levo com aqueles (a)normais confrontos estúpidos 'isso é falta de...'. levo com aquelas perguntas tolas ' então ficas para tia?'. E eu, normalmente, e sem ser hipócrita, tendo a ficar com alguma tristeza. Embora seja pelas coisas com o meu ex-amor terem corrido mal. Mas não fico triste por saber que me mantenho assim, porque ainda não aconteceu. Para dizer a verdade, seria fácil arranjar namorado. Para dizer a verdade, seria difícil ser feliz.

Confusos com este querer descontente?

"Quero o melhor romance, ou prefiro ficar sozinha... Quero as melhores lembranças, ou prefiro nem lembrar... Ou vivo intensamente, ou vou levando essa rotina que não incomoda, que não interfere, que não fere, mas que também não é vida..."

2 comentários:

  1. Percebo o que dizes, percebo o que sentes. Mas está descansada, ainda és nova e tens muito tempo para aparecer a pessoa certa. Quando menos esperares vais dar de caras com o homem da tua vida, não adianta procurares, só vais achar quando não estiveres à procura. Até lá foca-te em ti e naquilo que precisas para seres feliz independentemente de teres ou não um namorado para partilhares a tua felicidade. Como diz o meu irmão, ter namorado(a) é bom, mas não ter namorado(a) também é tão bom. É uma questão de perspectiva. *

    ResponderEliminar
  2. olá Mia:
    não tenho uma visão tão romântica da vida. mas uma mais optimista..em relação ao amor não acredito no "tal". certamente que te apaixonarás mais do que 1 vez. e de cada vz irás pensar "é este, encontrei-o". é nomal :) o que atrai num rapaz aos 23 e as vivÊncias que terás certamente que serão muito distintas quando tiveres 30 ou 40. nenhuma altura é melhor que a outra. mas existem momentos nas nossas vidas em que certas pessoas farão mais sentido do que outras.

    em relação à tua procura de emprego não caias na asneira de te preocupares em demasia. leva as coisas com serenidade. és muito jovem, tens o mundo pela frente :) descontrai, ri, vai dançar com as tuas amigas. diverte-te porque quando arranjares trabalho vais ter menos tempo ;)

    beijinhos!

    ResponderEliminar