segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Hoje é só desabafos (deprimentes!)

talvez isto da vida profissional me afecte demais, visto que desde que me conheço por gente, que me imagino a ser realizada profissionalmente e independente. Talvez porque tenho pais separados, não sei. mas sempre quis ser uma mulher com o seu trabalho e a sua casa. Cheia de cães. Adoro cães. E sim, eu não pensava muito em me casar. Depois aí aos 20 anos apaixonei-me, amei tanto, tanto, tanto que.. me lixei! Hoje nem penso noutra coisa a não ser realizar-me profissionalmente.

É mais fácil arranjar o trabalho dos meus sonhos, do que ser feliz no amor. Olhem que eu raramente me engano.

2 comentários:

  1. Percebo-te tão tão bem. Mas temos de ter esperança. Um dia sem dares por nada tudo muda e vais perceber que és muito feliz. Força, miúda. Nada de desanimar que as energias negativas atraem mais energias negativas.

    ResponderEliminar
  2. Vá lá nao desamimes!

    Eu sei que falar é fácil, eu mesma, que ainda agóra começei o curso,penso que vou arrancar os cabelos se não me conseguir realizar profissionalmente nesta área.
    Pelo menos temos objectivos de vida, e objectivos esses que não passam por viver à custa dos outros.

    Continua empenhada na tua procura de emprego, mas procura ocupar-te também com outras coisas, vais ver que só te faz bem!

    ResponderEliminar