sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Estado da pátria

Ontem li umas coisas no facebook daquele parvo alegre que me fez ficar apanhadinha. E eu senti-me, mesmo, uma parva. Então quer dizer que não o vejo há algum tempo, não falo com ele, sei que tem namorada, que ele dorme com ela, que ele a beija, que ele se enrola e partilha com ela [tratamento de choque perceberam?], e mesmo assim, fico absolutamente passada com porcariazinhas no facebook? Oh por favor. Mas eu já sou crescidinha e já tinha ultrapassado isto, boa? Não vou mais ao facebook dele. Não posso. Sinto-me uma daquelas pessoas que ainda não abriu os olhos sabem? Que estão a enfrentar um desgosto amoroso ainda muito no inicio e que acreditam que aquilo ainda é tudo mentira e as coisas vão dar certo. É como ver um aluno de uma escola de condução na estrada, nós sabemos que já passamos por aquilo, mas parecem-nos sempre tão.. inexperientes? Humpf, sou mesmo parva. E burra. E criança. 


Enfim, siga a marinha de novo! E espero que os tratamentos de choque sejam suficientes.

6 comentários:

  1. Remover como amigo do facebook costuma ajudar. Pelo menos comigo ajuda imenso. E não és parva, isso é normal, mas passa.

    ResponderEliminar
  2. Ai, já pensei muito nisso. Mas depois algo me diz, não faças isso, tens tanta pessoa com quem não falas no fb. Enfim, sou parvaaaa!

    ResponderEliminar
  3. Feliz Natal Mia :) E eu concordo, remove-o dos amigos. Sê superior

    ResponderEliminar
  4. Feliz natal moon. Ain, custa-me moon, que farei? :S

    ResponderEliminar
  5. Quando se gosta, isso acontece. Lamento...

    ResponderEliminar
  6. Eliminá-lo da lista de amigos parece-me um bom começo, se já acabou não vale a pena andares a 'remoer' o passado. Mas falar é sempre muito fácil, eu sei :P
    Life goes on (:

    ResponderEliminar