sábado, 5 de novembro de 2011

Somos todos personagens de um filme Disney.


Tenho que confessar que tenho uma vontade grande de me apaixonar. Tenho é medo mas isso é outra conversa. O colorir a vida, os pozinhos de perlim-pim-pim, o sentir o para-para-paradise e a magia a acontecer é um dos melhor sentimentos que a vida nos pode oferecer.
Isto de estar sozinha e carente significa, por vezes, que nos sintamos confusos em relação a alguém. E esse alguém, no fundo não passa de uma fantasia, de um 'oh será que não é ele?! Embora, efectivamente, não o seja. A boa da carência induz-nos em erro. Uma pessoa flirta com muito pouco e começa a ter uma imaginação Disneylesca. A saber... onde estás tu Homem [H] da minha vida e do meu [desfeito] coração? Cavalga muito e direitinho até cá chegares e, quando chegares avisa porque eu posso mesmo pensar que és apenas mais uma fantasia da minha carência e não te ligar puto.
Uma manhã de Sábado a divagar em ideias com Nana Caymmi a tocar, um bom pequeno almoço com café quente à mistura e uma limpeza à casinha da avó. Agora tento me sintonizar no tempo e no espaço, perceber o meu Eu, a vida que quero para mim, sonhar, idealizar, escrever objectivos, querer e poder, magicar, elaborar... para que um dia possa mesmo sentir de verdade.

4 comentários:

  1. Olá Mia. Obrigada pelo comentário, acertaste no assunto e dói, realmente. Só quem passa ;)
    Não existem princípes. Existem pessoas que nos podem fazer muito felizes, mas até essas histórias de amor têm um prazo :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Podemos contar comigo. Corremos as duas! ;)

    ResponderEliminar
  3. Eu também ainda acredito em Finais Felizes e em Magia. Por vezes ainda penso "será que o deixei escapar e não devia? Será que lhe dou uma oportunidade apesar de o ver apenas como amigo?"
    Mas a realidade e o racional dizem-me que tenho feito tudo bem.
    Por que se a cabeça e o coração não estão em sintonia, então ele não é Ele.
    M

    ResponderEliminar
  4. Menina porque se sentires uma paz imensa no teu peito, sim, estás a fazer tudo bem. :)

    ResponderEliminar