sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Levantar-me parece impossível.


Viver parece-me surreal.

Sem comentários:

Enviar um comentário