sábado, 1 de outubro de 2011

Dos sentimentos.


Durante muitos anos da minha vida [oh 3 ou 4 mas sim para mim é muito porque tenho apenas 23], amei um homem. Amei, mas amei com coração, despretensiosamente, genuinamente. Acabámos muitas vezes mas eu sempre soube que voltaríamos porque somos almas gémeas. Era esta a minha convicção, mais que isso o meu sentir. E voltámos. Sempre, cada vez mais apaixonados, como um amor impossível quando resolvido. Dei muito de mim, quiça mesmo tudo. Ele? Bem, ele não foi bem assim. Ele magoou. E foi mais longe que isso. Neste momento, damo-nos sociavelmente pois temos amigos em comum. Não falamos do nosso assunto. E será que algum dia vamos falar? Bem, só mesmo se eu iniciar. Sorrimos amarelosamente porque somos bem educados, no fundo queria-mo-nos agarrar, gritar e argumentar olhares. Neste momento não sei, de coração, o que sinto por ele. Fez-me tantas ou tão poucas que eu deixei de ter certezas, passei a sentir "estranho". Não consigo definir. Porque não estou perto dele o suficiente para afirmar que já não gosto dele, porque não tivemos conversa nenhuma acerca de nós depois de tanto tempo... Enfim, pela primeira vez em relação a nós eu não sei o que sinto. Sinto apenas, estranheza. Como se eu estivesse longe da minha própria viagem, do caminho que devo trilhar, da minha essência. Sinto-me estranha quando penso em mais alguém. Sinto-me estranha porque preciso de me elucidar. Será mesmo que cada pessoa tem uma pessoa para si?
Estranha. Que o que vier seja doce.

3 comentários:

  1. "Cenas do coração" são complicadas!Do meu primeiro relacionamento/namorado ficou sempre aquela sensação estranha na barriga e só passados 3 anos de termos acabado, é que consegui seguir em frente. Agora já o encontro e isso não acontece, é quase como se fosse um estranho...
    Não há formulas mágicas para descobrirmos o que o coração e cabeça nos dizem.
    Agora, estou com aquele que é o meu segundo namorado, mas é o meu homem para a vida. Já lá vão 11 anos desde que começamos a sair. :)

    ResponderEliminar
  2. ola querida =)

    um amor é sempre um amor..e visto que o vosso foi forte e ainda hoje se olham daquela maneira..
    eu acredito que cada pessoa tenha uma destinada a si..nao sei onde anda a minha...ja a procuro ha varios anos..o meu ultimo relacionamento foi de 3 anos..tudo perfeito(pela minha parte era de certeza)..muitos altos e baixos..mas voltávamos sempre um para o outro..até ao dia que..havia outra! e uma traição mesmo a frente do meu nariz! andamos sempre iludidas!
    enfim..ha que erguer a cabeça!!
    e tu..espera mais um tempo..talvez tudo se resolva e voltem de uma vez por outras...senao
    "Esquece e Siga"
    Força minha linda =)

    beijoo

    ResponderEliminar
  3. Ai meninas.. Isto nem contado! Mas agora preciso mesmo saber o que sinto por ele, ou se já não sinto por ele. Com tanto vai e vem acho que ele até conseguiu estragar o meu sentimento por ele.. O que me entristece. Enfim, eu deixo me levar ao sabor do vento, o que será será... Beijinhos e felicidades. Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar